Páginas

sexta-feira, 4 de abril de 2008

musicando - antony and the johnsons (nova edição com atualizações)

de repente, me dei conta de que esta semana eu ouvi horrores antony and the johnsons, basicamente por causa da voz de antony hegarty, para a qual vi por aí todo tipo de tentativa de definição, como, por exemplo, "assombrosa". já vou avisando que não sou nem um pouco boa em descrever/criticar/definir música e músicos e acabo geralmente ficando no "eu acho", "eu gosto", "eu não gosto" e "mas que merda é essa?".



antony tem uma daquelas vozes que jamais passará despercebida. note que isso não é necessariamente uma qualidade. kate bush tem uma voz única da qual eu gosto. tetê espíndola tem uma voz única que me causa, na maioria das vezes, paúra. mas o fato é que certas vozes têm características tão diferentes da imensa maioria das outras que acabam sendo marcantes por tal motivo (e lá vou eu correr e fazer uma lista destas vozes).



e vamos aproveitar que minha meta atual é aprender a colocar fotos aqui, e usar este post para fazer tal experiência, permitindo que as pessoas SAIBAM do que eu estou falando (é sempre bom ver a cara do cidadão que é o assunto da vez). por sinal, minha próxima meta é aprender a colocar musiquinhas (não as que começam a tocar só porque você abriu o site, e que impedem que você faça isso na surdina).


mas como as musiquinhas são uma meta para o futuro, desde já recomendo que quem puder e quiser, vá atrás de antony and the johnsons cantando fistful of love com lou reed e venha me contar o que achou. a música é do álbum i am a bird now (a fotinho da capa está ali do lado direito). a letra não é exatamente singela: o eu lírico (que pode ser mulher ou homem) basicamente narra que toma umas porradas do seu amor, mas que isso é porque ele/ela (amor) gosta tanto dele/dela (eu lírico). eu não sou a favor de violência física e nem da teoria de que um tapinha não dói, mas acho que o fato de uma música trazer este assunto como tema não impede que ela seja linda, comovente e candidata a ficar no repeat. até porque, se não fosse possível cantar uma letra que não expressa a nossa opinião (sabendo do que se trata, do contexto e tal), eu nunca mais ia poder cantar geni e o zepellin, ou silvia (do camisa de vênus).

p.s. eu prometo que vou me aperfeiçoar na arte dos posts com fotos (sinto que esse vai ficar super a desejar no quesito design).

UPDATE: fiz uma seleção de músicas de antony. começa com for today i am a boy, em seguida vem a já recomendada fistful of love, depois a participação dele em blind, de hercules & love affair (indicada pelo amigo ming), aí tem rufus wainwright e ele cantando old whore's diet, e, por fim, ele e björk cantando dull flame of love, em homenagem a duda. espero que vocês gostem. para ouvir, clique aqui.

8 comentários:

ming da porcelana disse...

vc tem essa música nova do hercules & love affair feat. antony? é linda!

Eduarda disse...

Ele tá em umas duas ou três músicas no Volta (Björk) - a voz é muito peculiar mesmo.

E, Jules, eu te amo! Só vc taca Antony and the Johnsons e Tetê Spíndola no mesmo post com a maior naturalidade...

Quéroul disse...

antony é muito triste, muito.
e ele é muito, muito feio.
mas disseram que o show foi TUDO e eu só não fui pq tava com medo de ver gente se matando.

é um belo som, mas só dá pra ouvir vez ou outra.

jeni disse...

porra julie, uma quase-surra não dói se dentro de contexto, if you know what i mean...



e eu tô baixando fist full of love graças a ti.

très julie disse...

yep, i know what you mean. é que a desta música tem uma vibe "ah, mas ele é tão bom para mim" (eu vou precisar desenvolver este conceito depois)... sei lá, eu senti isso, mas a interpretação é de cada um.

duda, é que eu acho que kate bush e tetê "escrito nas estrelas" espíndola têm alguma semelhança (voz muito aguda), mas eu pessoalmente não gosto da segunda (e já ouvi disco dela, não falo por ter ouvido apenas as duas músicas que tocaram no rádio). você sabe do álbum em que ela fica imitando o canto dos pássaros?

Fany disse...

mto bom post com fotos! :-p

Eduarda disse...

Cara, eu não sabia.

E eu era feliz assim.

très julie disse...

ah, sim, fui atrás da música do hercules & love affair feat. antony, que se chama blind, e é pra dançar. :D

e eu não sei se antony é de fato feio ou se ali não rolava um "xuxa, me transforma!" que melhoraria BEM a coisa.