Páginas

terça-feira, 15 de abril de 2008

leitura dinâmica

que bonito é o dom de ler algo reinventando o que ali está escrito. coloca toda uma poesia na sua vida.

exemplo: eu vi um banner preso num poste, na rua, onde se lia

ÁRVORE:
corte
poda

e eu li

AVISO:
corte
foda

não é mágico?

4 comentários:

Quéroul disse...

ato-falho.
beijos

Fan disse...

Cada um corta o que quiser, né?

Barbie disse...

Eu faço isso demais no campo auditivo. Tipo no metrô Dona Estapafúncia diz "Como não?" a Dona Esfragenésya e eu entendo "Pirocão".
Infelizmente a coisa só é tão ligeira com palavras curtas. Tratando-se de discursos mais longos e elaborados eu costumo entender declarações contra minha pessoa. Paranoya demais, já sey.

très julie disse...

gente, essa coisa "velha surda" narrada aí em cima me lembrou de uma história que vai virar um futuro post.