Páginas

segunda-feira, 12 de maio de 2008

sintam o drama (e desculpem o trocadilho)

gente, plantão especial total eclipse! olhem essa notícia que quéroul acaba de me mandar por MSN:

"Carla Perez faz leitura dramática aberta no centro de SP

Nesta terça-feira (13), às 19h, a dançarina baiana Carla Perez fará, ao lado do ator gaúcho Victor Wagner, uma leitura dramática do projeto "Caixa Cênica", ciclo da Caixa Cultural que reúne atores profissionais e estudantes de teatro e que nesta temporada conta com curadoria de Francisco Cuoco.

A dançarina e o ator --que já posou nu para a revista gay "G Magazine" e ficou conhecido por seu papel como contratador João Fernandes na novela "Xica da Silva" (TV Manchete, 1996-1997), estrelada por Taís Araújo-- farão a leitura da peça "Boeing Boeing", do dramaturgo suíço Marc Camoletti.

Perez, que cursa atualmente a Oficina de Atores Nilton Travesso, em São Paulo, participará com seu grupo de estudantes, sob direção de Beto Silveira.

A dançarina - que ganhou notoriedade como a "loira" do grupo É o Tchan - já fez um filme, "Cinderela Baiana" (1998), no qual atuou com Lázaro Ramos, porém, esta é a primeira vez que atuará no palco, sendo esta sua estréia teatral.

Para os interessados em assistir à leitura, vale ressaltar que a entrada é gratuita e não é necessário fazer reserva com antecedência. A leitura acontecerá no Grande Salão, no térreo da Caixa Cultural (pça. da Sé, 111, Centro, São Paulo; tel. 0/xx/11/3321-4400; classificação 14 anos)."

(clique aqui para ler o texto no local de origem)

antes de mais nada: se alguém for, POR FAVOR, me conte como foi.

velho, sério. como diria o casseta e planeta, a opinião pública não é ovo, mas está chocada. ou eu, pelo menos, estou. e ainda é um projeto da caixa econômica federal. como assim?

e sou contra peça de dramaturgo suíço. porque não re-encenar o final de cinderela bahiana, com direito a passarinho sendo expulso da gaiola e dança de galera ao som de "pau que nasce torto"?

4 comentários:

Fan disse...

Diga que não é verdade MESMO!!!

fabiana disse...

Cara, eu me acabo quando citam que o Lázaro Ramos participou de Cinderela Baiana... hahahahaha

Eu vi esse filme, Carala Perez está competentíssima! Hahahahaha

Fan disse...

Minha religião não permite o uso de drogas pesadas...

Princesa Barbie disse...

Os trechos que vi de Cinderela Baiana no youtube eram simplesmente o máximo. Quase chorei naquela cena dela libertando o passarinho rebelde, num símbolo de protesto contra o descuido das crianças. Este, revoltado pela parcimoniosa retribuição alpística que recebeu e decidindo que melhor ela se resumir àquela gaiola; ela, alheia às crises do passarinho, dançando em seguida (e sem titubeios) o pau que nasce torto nunca se endireita, um dos momentos mais verdadeiros do cine nacional.