Páginas

quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

a-ha, u-hu, 2009 é nosso!

2009 começou com virada eclipsante. e eu achei isso muito bom, já que existe esta lenda de que o que você faz na virada, você vai fazer o ano todo (ou seja, você vai passar o ano todo abraçando gente e bebendo champagne, ao som de alguma música estilo "hino do senhor do bonfim", "what a wonderful world" ou similar).

mas para dar um toque de cor local, que tal uma cobertura minuto a minuto da apoteose? me sigam!

30/12
tenho toda uma programação que é atrapalhada pelo fato de que meus pais sumiram desde a hora em que eu entrei no banho, de manhã, e um casal de amigos deles chegou para almoçar, o que me faz ficar na sala conversando ao invés de gravar o cd com músicas para o reveillon. pais aparecem mais de 13:30h, quando eu já estava desmaiando de fome. ganho um vestido xadrez da mamãe e do papai e uma garrafa de veuve cliqcot da amiga da mamãe. o almoço, entre conversas, termina quase 4h da tarde. saio correndo para comprar os espetinhos que serão nosso churrasco de sábado. vou para a perini e compro o que falta. virtuosamente, após uma conversa com minha irmã, vou ASSISTIR AULA (sim, creiam). claro que fiquei me achando *A* pessoa responsável, que marcou pontos com deus/jeová/javé/tupã/jah/whatever.

aí, no meio da aula, dispara um alarme de carro, entra um colega meu na sala e diz "de quem é o fox preto?" (observem, O fox preto, não UM fox preto, então só podia ser o meu). o que aconteceu? simples: 3 amigas que vieram de aracaju passar o reveillon em salvador estavam saindo de ré da garagem do hotel do lado do curso e, sem querer encostaram (/sendo sutil) no meu carro.

no meu carro fofo.

/chora

31/12
acordo 05:15h da manhã, não consigo dormir nunca mais, e vou gravar o cd do reveillon. seleção das melhores e mais animadas músicas que poderiam agradar a várias pessoas. apanho lindamente do windows media e do iTunes. tento com todas as minhas forças gravar um disco no windows media que tenha só mp3, sem arquivos wma, mas não consigo descobrir como fazer isso. tento fazer pelo nero. penso em chorar. tomo café, arrumo minhas coisas de olho na seleção musical, rola aquele típico stress de viagem/reveillon em que todos que vão viajar estão meio ríspidos, consigo gravar o cd e penso "que se foda o gambá", vamos para arembepe, vamos para o local da festa.

20:30h - sento numa mesa na piscina, ainda sem estar pronta para a festa, e começo a tomar cerveja.

21:00h - o garçon aparece, se apresenta, e tenta convencer as pessoas a beberem em copos estroboscópicos piscantes que, não sei como, não desencadearam uma crise de epilepsia em alguém, estilo pokemon e as crianças do japão.

21:15h - joelho diz que dentro de uma hora mais, "a madeira vai estar piando". minha irmã diz "até parece que você vai ficar, sei lá, dançando de cueca".

21:20h - joelho se queixa que um gelo piscante é muita animação. todo mundo sacaneia dizendo que nem música estava tocando ainda.

21:30h - andré, amigo e dj, aparece na área da piscina. alguém pergunta o que ele vai tocar, e ele responde 'não tenho a MENOR idéia".

21:31h - vou trocar de roupa.

22:00h - volto para a festa, onde já tocava música, e tinha mais gente bebendo.

22:30h - vou comer, afinal, a noite é longa.

22:35h - bato o maior prato.

22:40h - soninho, penso se vou conseguir durar muito na festa.

22:45h - começo a dançar sentada.

23:00h - vamos dançar na pista. toca hung up e eu faço uma versão geriátrica da coreografia do clipe (afinal, quem é que tem preparo físico pra se jogar no chão?). começa a surtação.

23:10h - descobrimos que joelho foi ali tirar um cochilo.

23:50h - momentos de desespero tentando passar o tempo com músicas curtas antes da virada.

23:57h - as pessoas começam a surtar que já é ano novo. sinto falta da contagem regressiva de uma pessoa com autoridade e um microfone na mão. começa uma discussão a respeito de que horas são mesmo. ligo para a hora certa.

23:58h - as pessoas resolvem declarar que já é 2009, se abraçam, tomam champagne, minha irmã chora, tudo isso ao som de "gracias a la vida", e eu dizendo a pessoas aleatórias que violeta parra supostamente compôs essa música e se matou. percebemos que joelho conseguiu acordar e voltou para o convívio social.

01/01
00:00h
- feliz 2009! adeus ano velho, feliz ano novo, etc, etc.

agora, faremos uma pequena pausa, mas a continuação desta eletrizante aventura, onde esta galerinha muito louca vai aprontar altas confusões para conquistar o coração desta tremenda gata vem logo logo. não percam!

4 comentários:

Caminhante disse...

Perini, há quanto tempo não ouço esse nome... Lembro daqueles bolos lindos, cheios de creme e totalmente sem graça por dentro! (sorry, mas você comeu bolos aqui e sabe de que referenciais estou falando!)

Feliz 2009 procê tbm!

Duda disse...

Copos estroboscópicos piscantes? PRECISO!!!

Ana Paula Brasil disse...

Ai, meu Deus! Será que a continuação deste episódio já vazou na internet? Estão dizendo que tem um vídeo revelador no youtube com pessoas trotando na pista de dança... loucura, loucura, loucura!!!

lftartaglioni disse...

Tô só imaginando esta versão geriátrica da coreografia da Hung Up...
Faltou o "vilão da pesada" do filme...

Bjs