Páginas

quarta-feira, 12 de novembro de 2008

dando bandeira

não me perguntem a troco de quê eu lembrei disso. acho que é porque em direito o que não falta são citações em latim.

aí que quando eu estava no primário, acho que na 4ª série, a gente tinha um atlas geográfico bem básico (quase um panfleto), que era pra galere aprender a copiar mapa usando papel manteiga e lápis grafite (duvido que atualmente isso ainda se faça nas escolas, tá mais fácil o menino usar o google pra achar o mapa que ele quer). e a 4ª capa era dedicada a apresentar a todos nós as bandeiras de todos os estados brasileiros.

deviam ter explicado logo cada uma, mas não. o negócio é que eu passei anos achando que libertas quae sera tamen significava libertas que será também escrito em algum idioma meio analfabético. só quando a gente foi estudar inconfidência mineira é que explicaram que o significado era liberdade ainda que tardia, que o idioma era latim, etc, etc.

mas pior, na minha cabeça, era a bandeira da paraíba. eu não conseguia entender porque diabos tinha escrito nego na bandeira. sim, porque eu lia nêgo, e só 200 anos depois é que vieram explicar que é négo, do verbo negar e tal.

ó, gente, esse negócio de bandeira é fogo. não acho que a da bahia seja especialmente inspirada (acaba que listras e figuras geométicas, junto com estrelas, são figurinhas fáceis no mundo das bandeiras), mas pelo menos não tem nada escrito aqui para ser lido errado. aliás, não curto muito essa coisa de coisas escritas em bandeiras. podia ser bonito antigamente, mas hoje em dia, ter uma bandeira escrito trabalha e confia (a do espírito santo) tem mais é cara de para-choque de caminhão.

p.s. desde logo aviso que não tenho nada contra nenhum dos estados, e só estou falando das bandeiras, é sempre bom esclarecer para evitar que alguém apareça aqui xingando.

6 comentários:

fabiana disse...

Eu acho que algumas bandeiras brasileiras são totalmente a cara das bandeiras africanas!

Duda disse...

HAHAHAHAHAHAHHAHAHAHAHHAHAHAHAHAHA

Também tive esse passado, gatha. Papel manteiga ou vegetal em cima dos mapinhas tosquinhos do Atlas..a capa do meu parecia até uma cordilheira vista de cima...

Esse Libertas Que Será Também é o que eu lia e lerei eternamente...danse-se o latim...

(a do Nêgo foi ótima! hahahahah)

Fan disse...

Juro que acabei de descobrir, no dia 13 de novembro, que o NEGO era do verbo negar... negar a que, diga-se de passagem???

Luciano Costa disse...

com certeza, sempre intrigado com o NEGO...e com a certeza de que era Libertas que será também.

Entra pra lista de ilusões junto com o símbolo do carrefour, que é a grande farsa da humanidade

paula disse...

panda, eu achava que era Nêgo até esse post.

que diabos é o símbolo do carrefour que eu nunca prestei atenção???

Fan disse...

O símbolo do Carrefour é um C, se vc prestar MUUUUUITA atenção...
Segue descrição da comunidade do Orkut sobre o assunto:

"Ninguém sabe exatamente o que o cara tinha fumado quando inventou esse simbolo. Para aqueles q ainda não perceberam, é um C! Esta comunidade foi criada para todos aqueles q nunca tinham entendido qual o proposito daquela setinha azul e vermelha q forma o simbolo do Carrefour,até q um dia alguem contou q a parte branca formava um C trazendo a sua indignação e revolta!
Se vc tem vontade de ligar pro dono do carrefour e dizer "cara,vc mandou malzao, ninguem nunca soube o que era aquele peixinho escroto", essa comunidade é especial pra vc!

Pérolas da comunidade
- Peixe
- Âncora
- Barquinho sendo virado por uma onda (o médico pediu pra nao contrariar)
- Vovô de chapeu vermelho
- Palhaço
- Duas setinhas, uma azul e uma vermelha indicando entrada/saída
- Mulher gorda de biquini (?!)"

Força na peruca que vc identifica..